sexta-feira, 25 de abril de 2008

Saudações pessoas!


Meu nome é Islan, mesmo... sou de Porto Alegre e sou tec. de enfermagem de UTI pediátrica e acadêmico de psicologia. Convivo, como autodidata, com o Budismo desde meus 9 ou 10 anos. Através do professor de meu pai de tae kwon do que era coreano (Mestre Kim), e por minhas leituras desde então. A 5 ou 6 anos assisti uma palestra do Mestre Zen Moriyama Roshi. Passei a ler tudo que se referia a Zen, depois de suas palavras. No Via zen conheci a mestra Coen. E foi inevitável tela como meu modelo de jornada. Hoje a busco sempre que vem a Porto Alegre. Através dela conheci a monja Isshin, pessoa impressionante que hoje me ajuda a me manter próximo do Zen, apesar de minha profissão e compromissos com a Prefeitura de poa e com minha família é a ela que recorro para conversar e para me orientar.Não posso participar de nenhuma das Shangas de Porto Alegre em função do tempo. Colaboro como posso divulgando e escrevendo eventualmente sobre o tema. (já leram sobre o “carnaval útil”???).Talvez deva dizer que ainda criança fui iniciado no Candomblé e no catolicismo, por partes diferentes de minha família. Na juventude estudei em seminário por três anos e trabalhei em terreiro por uns dois... sou filho de Oxalá... com muito orgulho (e em respeito a meus ancestrais)... mas não pratico nada de nenhuma das duas religiões. Me entendo por Budista, sigo as orientações do Zen Soto Shu, embora não participe do Via Zen nem receba as orientações do monge Monge Dengaku, sou um admirador afastado por força maior.Sou um leitor compulsivo de filosofia e mitologia. Apaixonado por cinema (de maneira eclética, curto de Frederico Feline a George Romero...). Fui montanhista e escoteiro. Sou ciclista amador e acredito na participação popular e organização social no que se refere a cidades e bairros. Mas tenho um engasgo com partidos políticos. Pratico "ecologia doméstica" (termo que inventei agora para definir as coisas simples que podemos fazer em casa para ajudar a não piorar mais as coisas).É um prazer me apresentar.
Postar um comentário