quinta-feira, 26 de julho de 2012

Na Moral recebe monja Zen Budista e psiquiatra em debate sobre felicidade

Na Moral recebe monja Zen Budista e psiquiatra em debate sobre felicidade
Confira imagens exclusivas do encontro desta quinta-feira

26/07/2012 às 08h25 
Atualizado em 26/07/2012 às 18h34
Nesta quinta-feira, Na Moral recebe convidados anônimos e famosos para debater a “ditadura” da felicidade. Camila Pitanga, a Dj da noite, se posicionou e explicou o que é felicidade para ela. A atriz, que contou procurar o equilíbrio em sua vida, contestou o uso de medicamentos para ‘suprir’ carências na vida das pessoas. Clique no vídeo e veja algumas imagens exclusivas do programa.
Por outro lado, bem-sucedido, casado e com tudo para ser feliz, Edison Calil faz uso de remédios para se sentir bem há 15 anos. A convite do programa e na companhia da filha, Julia Porto, Edison experimentou outras técnicas para ‘ser feliz’ e concluiu uma delas no palco do programa.
A monja Zen budista Isshin e a presidente da Associação de Psicologia Positiva da América Latina (APPAL), Daniela Levy, coordenaram as duas técnicas experimentadas por pai e filha e falaram também sobre suas teorias para a felicidade.



O autor do livro “Ser feliz hoje – Reflexões sobre o imperativo da felicidade", João Freire, abordou a pressão social que ‘forçaria’ as pessoas a parecerem felizes. Já o psiquiatra Nelson Goldenstein explicou quando os medicamentos podem ser a solução para o problema de algumas pessoas. A plateia também se posicionou sobre o assunto e esquenta o debate sobre se mostrar infeliz em redes sociais.
Na Moral tem direção de núcleo e geral de Luiz Gleiser, redação final de Marcel Souto Maior e apresentação de Pedro Bial. O programa vai ao ar às quintas-feiras, logo após Gabriela.
Postar um comentário