terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Prefeitura de Porto Alegre vistoria obras do Hospital Independência

Postado na página da prefeitura e escrito por Denise Righi
 
Foto: Francielle Caetano/PMPA
Hospital está fechado desde abril de 2009 Hospital está fechado desde abril de 2009

A prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde promoverá amanhã, 15, às 9h, uma visita ao Hospital Independência, para acompanhar as ações que estão sendo projetadas para a reforma e ampliação do hospital. O prefeito José Fortunati, o secretário Municipal de Saúde, Carlos Henrique Casartelli e convidados acompanharão a vistoria no local.

Em fase de demolição para as adequações necessárias, o prédio está sendo avaliado em sua estrutura e condições de estabilidade, técnicos que atuam na recuperação da área, identificaram a necessidade de recuperar também a parte elétrica, hidráulica, instalação de gás (oxigênio), sistema de ar-condicionado, entre outros. A medida atende às normas de segurança e acessibilidade, e além da parte funcional, também trará maior conforto e qualidade aos serviços que serão ofertados aos pacientes.

Reabertura - Com previsão de reabertura para seis meses, o hospital contará inicialmente com 100 leitos destinados ao Sistema Único de Saúde (SUS). O projeto de ampliação do hospital prevê ainda outros 200 leitos que deverão ser instalados em 2014. A reabertura é resultado de um processo realizado com a participação do município, do Estado e do governo federal, e amplamente debatido com a entidade que irá gerenciá-la. 

Nesta primeira fase, serão investidos R$ 10 milhões para readequação da área física e compra de equipamentos e mobiliário. Com a operação do hospital prevista a partir do segundo semestre, no endereço da avenida Antônio de Carvalho, 450, o custo mensal está estimado em R$ 2,8 milhões. Para a ampliação da infraestrutura a fim de atender o total de 300 leitos em 2014, deverão ser aplicados mais R$ 30 milhões.

A gestão do hospital, localizado no bairro Jardim Carvalho e fechado em abril de 2009, será desenvolvida pela Sociedade Sulina Divina Providência, vencedora do chamamento público realizado em abril de 2011 pelo município. O hospital irá oferecer atendimento especializado em ortopedia e traumatologia, contando também com serviços de diagnósticos por imagem, laboratórios, análises clínicas e cirurgias ambulatoriais, entre outros.
Postar um comentário