quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Lama Padma Samten e o novo paradigma da humanidade
O gaúcho Alfredo Aveline, ou Lama Padma Samten - era um cientista, Mestre em física com especialização em física quântica. Hoje é um "Lama" da linha Tibetana O longo caminho de um professor de física na busca da compreensão do mundo,  o professor do Departamento de Física da UFRGS de 1969 à 1994 (com um intervalo de dois anos e meio) continua buscando aplicar seus conhecimentos para fazer as pseeoas atuarem em su mundo de modo ativo e transformador. Da década de 70 até 80 praticou o Zen Budismo como leigo e em 1982 tornou-se budista tibetano, em 1993 recebeu o nome de Padma Samten ( Padma = lótus; Samten = estabilização meditativa) e em dezembro de 1996 foi ordenado lama do budismo tibetano vinculado ao Chagdud Gonpa Brasil, que faz parte do Chagdud Gonpa do Tibete, um monastério fundado no século XV.


Mesmo durante seus 25 anos, no departamento de Física, além de sua atuação acadêmica, exerceu atividades no movimento ecológico, no movimento comunitário, no estudo de energias e tecnologias alternativas e das alternativas comunitárias.



Postar um comentário