sábado, 26 de novembro de 2011

Comentário sobre a situação da FUGAST ! ! !

Este é um comentário que de tão significativo, pois resume as opiniões de 100% das opiniões que recebo no blog sobre o assunto, precisei publicar como post, e não como apenas um comentário. Ele se refere a situação da FUGAST e do Governador TARSO GENRO que AINDA NÃO PAGARAM AS RECISÕES  destes trabalhadores e trabalhadoras depois de "8" meses de demissões assinadas... e anos de tortura psicológica. E sobre o depoimento de minha esposa - ex-funcionária da Neo Natal do Hospital Presidente Vargas por 15 anos...


Antes uma preocupação a mais: a Proposição: PEC 211 2011 (20230.01.00/11-5Proposta pelo Deputado Estadual Gilmar Sossella + 18 Dep(s) aprece  NO BANCO DE DADOS DA PROCEMPA como Arquivada em 24/11/2011... Não sei se é em função do recesso de verão, mas é uma coisa a mais para chamarmos os deputados para a parede e perguntar "qual é?".




Sigamos.




Oi! 
Meu comentário vai prá Simone. 
Sou Márcia do laboratório e fiquei emocionada com teu depoimento. 
Mesmo tendo passado tantos meses da nossa separação os sentimentos permanecem os mesmos: 
Incredulidade, 
Indignação, 
Raiva, 
e frustração. 
E finalmente para elaborarmos nosso luto pela perda do trabalho e dos companheiros que tanto amávamos precisamos formalizar a rescisão de contrato e o devido pagamento. 
No caso Justiça não haverá porque será tardia. 
Não há indenização que que repare o sofrimento causado pela forma que fomos tratados. 
Não tiraram de nós só postos de trabalho. 
Abortaram nossos sonhos de manter nossos filhos em boas escolas ou faculdades, das casa própria cujas prestações não podemos mais manter ou da segurança para algumas de uma aposentadoria digna. 
Triste saber que algumas colegas hoje estão desempregadas sobrevivendo graças a terceiros, ou sub-empregadas nas atividades para as quais estudaram e foram treinadas ou pior vivendo de bicos. 
O governo ao qual servimos durante 15 anos também retirou da população muitos leitos de internação neonatológica e pediátricas quanto demitiu profissionais especializadas oferecendo menos vagas no HPV e menor qualidade na prestação de serviços em saúde materno-infantil. 
Enfim Simone ler teu depoimento e olhar as fotos me fizeram viajar no tempo e sentir muita saudade pelo tempo que foi. 
Espero que tua família esteja bem e gostaria de enviar algumas fotos do pessoal da Neo e o endereço do blog do Rogério da Psiquiatria: 
Demitidos da FUGAST

Um beijão!


Postar um comentário