terça-feira, 27 de março de 2012

Índios convertem evangélico em ATEU...

Tem histórias que são inusitadas por demais...



Índios Pirahãs convertem missionário americano ao ateísmo

O curioso caso é relatado no livro "Don't Sleep there are Snakes", de Daniel Everett, 57, missionário americano que foi incubido de evangelizar a tribo Pirahãs na década de 70 e acabou convertido ao ateísmo. Segundo o sítio freethinker.co.uk, Everett, que é Linguista da Illinois Estate University, foi à floresta amazônica para levar a felicidade do cristianismo aos Pirahãs e acabou descubrindo que eles já eram felizes, mais até que ele próprio.

Ele chegou a traduzir a bíblia para o idioma dos nativos e fez leituras dos textos, tendo relatado que os indígenas tinham interesse pelas histórias, mas foi questionado se ele próprio havia presenciado alguma delas. Como nem ele, nem as pessoas que contaram as histórias para ele haviam presenciado aqueles fatos, Everett passou a questionar o texto sagrado e, com o passar do tempo, se declarou ateu.

Os Pirahãs acreditam que o mundo sempre foi como ele é hoje, que não há ser supremo e sua cultura não inclui mitos de criação. Eles são felizes sem deus, religião ou autoridade política.

A conversão ao ateísmo, entretanto, levou 19 anos para ser assumida e lhe custou um casamento e a ruptura de relações com dois de seus três filhos.

Uma entrevista de Everett à BBC radio 4 pode ser ouvida aqui, em MP3.
Postar um comentário